BIOESTIMULADORES DE COLÁGENO

“Dra., sinto que meu rosto anda tão caído”….”Dra., preciso dar uma revigorada na pele”. ⠀⠀

O processo de envelhecimento da face inicia-se lentamente ao redor dos 20 anos, quando a taxa de renovaçãocelular se torna mais lenta; mas as manifestações demoram anos para serem percebidas e são determinadas pela atrofia da pele e perda de tecidos muscular, subcutâneo e ósseo. A cada ano a perda do colágeno se acentua e com ela surgem os sinais de “queda” das bochechas e contorno facial. ⠀⠀ ⠀⠀ ⠀⠀

Mas, como técnicas minimamente invasivas podem ajudar nesse processo? Preenchedores, ou melhor, estimuladores, podem ser injetados em pontos estratégicos da face com o intuito de BIOESTIMULAR a formação de um “novo colágeno”. O mecanismo de ação consiste na estimulação de fibroblastos (células capazes de produzir fibras de colágeno) em resposta a uma inflamação tecidual subclínica. O novo colágenocomeça a se formar após um mês e continua a aumentar por período de nove meses a um ano.

Aqui na clínica, utilizamos nos TRATAMENTOS BIOESTIMULADORES duas substâncias: ácido poli-L-láctico (Sculptra) e hidroxiapatita de cálcio (Radiesse). Podem ser aplicadas em regiões mais profundas buscando sustentação e melhora do contorno da face ou em um plano mais superficial para tratamento da flacidez. Tratamentos bastante procurados para a melhora da qualidade da pele, aumento da espessura, melhora do grau de flacidez, viço, brilho e textura.

* Imagem ilustrativa. Não expomos em mídias sociais pacientes em tratamentos conosco.

Comments are closed.